O Cantor Mika, Lançou o Álbum “Live From Brooklyn Steel”

thumbnail

Recentemente, o cantor libanês radicado na Inglaterra, Mika, lançou o seu álbum ao vivo, “Live From Brooklyn Steel”.

Reprodução / Instagram: @mikainstagram

Confira um clipe ao vivo do álbum:

Divulgação / YouTube

O álbum que traz canções como “Ice Cream”, “Happy Ending” e “Grace Kelly”, entre outros sucessos, foi extraído de seu show em Nova Iorque, em 2019.

Mika

Nascido em Beirute, no Líbano, em 1983, o até então Michael Holbrook Penniman Jr., desde cedo mostrou as suas aptidões para a música.

Aos 7 anos de idade, começou a fazer aulas de canto, aprender a tocar piano e compor as suas primeiras músicas.

O Primeiro Sucesso

Mika surgiu para o mundo, em 2009, com a divertida e melódica “Grace Kelly”, o primeiro single de seu álbum de estréia “Life In A Cartoon Motion”:

Divulgação / YouTube / Vevo / Mika “Grace Kelly”

Depois que o álbum foi lançado, ele atingiu a primeira posição no Reino Unido e não parou mais de colecionar sucessos.

Curiosidades

Desde que o cantor apareceu para o mundo, a imprensa especulou muito sobre a sua orientação sexual.

Reprodução / Instagram: @mikainstagram

Primeiramente, em 2019, ele se assumiu bi. Até que em 2012, em uma entrevista para a revista norte-americana “Instinct”, ele se assumiu gay, publicamente. Confira um trecho da entrevista:

“Se disserem que eu sou gay, eu respondo que sim. Se me questionarem se os temas das minhas músicas são sobre a minha relação com um homem, eu respondo que sim”. Declarou o cantor.

Outra curiosidade é que o cantor já foi comparado a lendas da música, como Freddie Mercury e Elton John.

Lollapalooza

Em 2010, o cantor fez um show divertido, colorido e repleto de hits, como “Relax, Take It Easy” e “Grace Kelly”, no festival Planeta Terra, em São Paulo.

Além de se apresentar no festival Lollapalooza, Mika, fará um show no Circo Voador, na Lapa, Rio de Janeiro, no dia 5 de abril.

Reprodução / Instagram: @mikainstagram

Mika, se apresenta no festival Lollapalooza, no dia 4 de abril, em São Paulo.

Comentários no Facebook

Subir